Webinar aborda sobre a nova Diretriz de Cardiomiopatia Hipertrófica 2024
Webinar aborda sobre a nova Diretriz de Cardiomiopatia Hipertrófica 2024

03/07/2024, 15:08 • Atualizado em 03/07/2024, 15:08

Compartilhar

No dia 25 de junho, a Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC) promoveu um webinar sobre a nova Diretriz de Cardiomiopatia Hipertrófica (CMH), com o tema "Pontos Fundamentais da Diretriz sobre Diagnóstico e Tratamento da Cardiomiopatia Hipertrófica 2024 com Impacto na Prática Clínica". O evento fez parte da série semanal de webinars da SBC, que promove discussões sobre diferentes tópicos cardiológicos e renomados especialistas na área. 

Os cardiologistas Evandro Tinoco Mesquita e Félix José conduziram a abertura, destacando o trabalho colaborativo e a dedicação dos diversos departamentos e especialistas envolvidos no desenvolvimento da Diretriz. Contaram um pouco do processo de criação do documento, lançado durante o 1º Encontro de Departamentos da SBC.

O primeiro apresentador, Marcelo Imbroinise, abordou a história natural da cardiomiopatia hipertrófica e a importância da análise genética, crucial para diagnósticos moleculares precisos, do aconselhamento familiar, especialmente considerando que muitos pacientes podem estar em risco de morte súbita e do aspectos do tratamento.

Na sequência, Silvia Marinho Martins, discutiu as estratégias para o tratamento da obstrução do trato de saída do ventrículo esquerdo (TSVE). Ela ressaltou que o manejo adequado desta condição pode melhorar significativamente a qualidade de vida dos pacientes, reduzindo sintomas como dispneia e fadiga. Martins também destacou o papel dos betabloqueadores e outras opções farmacológicas, além da importância de intervenções não medicamentosas, como a manutenção de um peso corporal adequado e a prática de atividades físicas estruturadas.

A última apresentação foi de Fernando Luis Scolari, que abordou a estratificação de risco de morte súbita e o implante de cardiodesfibriladores implantáveis (CDI), destacando fatores como hipertrofia ventricular maciça e histórico familiar de morte súbita. Scolari também apresentou dados de estudos recentes que mostram que a mortalidade por CMH pode ser comparável à da população geral quando o diagnóstico é precoce e o tratamento é adequado.

O webinar, além de proporcionar atualizações importantes sobre a cardiomiopatia hipertrófica, destacou a importância da troca de conhecimentos e da interação entre os participantes. A série semanal de webinars da SBC continua a ser uma plataforma valiosa para a educação contínua dos profissionais de saúde, promovendo discussões sobre os mais variados tópicos em cardiologia.

Comentários

Logotipo da SBC

Sede - São Paulo

Alameda Santos, 705

11º andar - Cerqueira César

São Paulo - CEP: 01419-001

E-mail: sbc@cardiol.br

Sede - Rio de Janeiro

Av. Marechal Câmara, 160

andar - Sala: 330 - Centro

Rio de Janeiro - CEP: 20020-907

E-mail: sbc@cardiol.br

Telefone: (21) 3478-2700

Redes sociais

Link para LinkedInnLink para FacebookLink para TwitterLink para YouTubeLink para Instagram

Baixe o app Cardiol Mobile

Apple Store BadgeGoogle Play Badge
Certificação 9001 da SBC

Desenvolvido por:

Produzido por Docta